Welcome to the land of questions

A Arte De Reinventar - Ajuste Suas Antenas

"já me sinto feliz se as palavras tocam ou te fazem pensar nem que seja por 1 segundo apenas, isso mostra que a mensagem foi lançada ao mar numa garrafa e chegou onde deveria chegar no coração de alguém que entendeu essa loucura que é o amor "
"Palavras que queimam na minha boca, Derreterão dentro de seus ouvidos"

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Horóscopo (((d-_-b))

Satisfazer uma vontade pela mera vontade de satisfazê-la,
eis uma experiência eminentemente humana!
Você anda às voltas com uma dessas e nada será forte o suficiente para barrar o caminho.
É só cumprir a própria vontade.

Acho que está na hora de dizer igual ao rumbora VaiVaiVai

Eu to aqui, mais a minha cabeça está nas nuvens (((d-_-b))



Só me importa saber o que aqui é real
Não me leve a mal mas eu vi
Até a reta mais reta é torta
Eu sei que tudo vai mudar
Que um dia o eu que renasceu
Vai poder voar devagar
E se uma lágrima for derramada
Ao molhar a terra
Toda folha que secou vai ser regada

(((d-_-b))

Hoje eu to pensando
O que me impede de fazer o que eu quero realmente
O do porque não ir ou do porque não ficar
Afinal de contas o que me separa do meu desejo é a minha decisão
Ou falta dela, to pensando e assim como num piscar de olhos
Aparecer ou reaparecer e te dizer yes, we can still

Tudo que eu tenho em mente
É te arrastar pra fora
E um dia poder te contar
Que aquele olhar

É só uma parte do amor
Que eu guardei pra te dar
A melhor parte do amor é seu
E ninguém vai tomar

Pensamentos Soltos (((d-_-b))

Só dois minutos pra falar, pois eu vou longe
Eu quero um retrato seu pra levar
Fecho os olhos que é pra ver se ainda existe
Alguma parte da engrenagem
Que quer cultivar ferrugem.

Um pensamento bom derruba um dia triste
E eu tenho um pra você especial
Se eu pudesse voltar no tempo
Faria tudo igual

O mesmo filme feito num cenário diferente
Como uma ilha que muda de lugar
Inflexível, quebra fácil, então daqui pra frente
Eu deixo a mão de Deus me moldar.

Tudo é loucura pra quem não tem atitude
E não vê o sentimento imortal
Se o mundo vai devagar
Eu tento fugir do que é normal

Jogar com a vida como quem
Descobre forma em nuvens
Mas qualquer dia ela vai vir te cobrar
Nada me atinge, pois achei o que o futuro esconde
E eu já não posso me controlar
Um peso leve eu levo
E vou com quem quiser vir.

De um jeito simples
Mas quem congelou nunca entende
Conhece a rua, mas não sabe onde dá
Olha pra cima pra tentar ver
Quando o sol acende
Eu sei que alguém precisa acordar
Um peso leve eu levo
Mais um segundo e eu vou.

Se eu resistir, vou resgatar o tempo
Que eu não quis viver em mim
Se eu conseguir, me consertar por dentro
Serei enfim, um homem livre.