Welcome to the land of questions

A Arte De Reinventar - Ajuste Suas Antenas

"já me sinto feliz se as palavras tocam ou te fazem pensar nem que seja por 1 segundo apenas, isso mostra que a mensagem foi lançada ao mar numa garrafa e chegou onde deveria chegar no coração de alguém que entendeu essa loucura que é o amor "
"Palavras que queimam na minha boca, Derreterão dentro de seus ouvidos"

segunda-feira, 26 de março de 2012

(LDSV)Louco, Dado, a, Sandices, Virais. paranoico & orgulhoso de escrever isso aqui(((d-_-b)))



Eu acordei no final de um longo, escuro, solitário dia
E ficar tanto sozinho trouxe à tona o pior em mim
Eu me acostumei a escutar sua voz
Começar a quebrar com medo de ser mais
Foi ai quando me disseram escolha um lado e as luzes se apagaram

E eu continuo a sentir vocês me observando a cada novo passo que eu dou
Sinto o peso dos mundos alheios sobre meus ombros
E a suas culpas afundando e uma guerra em tom de pesadelo se aproximando
E eu sei que no final nenhum além de mim irá sobreviver
Porque eu? Porque eu simplesmente sei de tudo
Desde antes do seu primeiro passo

E no final eu serei que seremos eu e você minha querida,
eu só preciso que você se mova um pouco mais rápido
E me diga logo o que realmente quer de mim, pois este.
O segundo trajeto do resto da sua vida
Ou seja sua palavra final e uma prova que vai além do que você está jogando
E o depois? Ele é levado embora junto com as duvidas que ficaram no passado

Eu só queria te dizer independente do que eu escolha
Eu que serei e seremos espancados sem piedade ou propósito
E eu viro minha cara para um horizonte despreocupado
Eu já fiquei tempo d+ procurando arduamente por sinais dos céus
Mas eles me esqueceram aqui
E eu resolvi fazer por mim.

Você pode apenas parar de falar, eu compreendo (eu ouço seu silêncio alto e claro)

Sexo, arranhões e beijos que nos tiram o folego, prazeres que fazem nossa carne
Tremer e se iluminar como um show de luzes fluorescentes
Um ponto de fusão em uma união tão nervosa
Eu sempre me acostumei a estar no fio da navalha nos dentes de um crocodilo raivoso
Será que está pressão, vai te fazer pirar com a boca em uma arma
Ou vai fazer você disparar flores em canhão

E Às vezes de noite, eu me sinto como um vaso quebrado
Um instrumento usado com e em propósitos errados
Muitas vezes minhas palavras estão na garganta dos jovens e dos desamparados
Porque eles não têm nada além da dor pra dizer

Mais será que você estará pronta para esse rojão que é compartilhar
Essa minha louca vida e ser tão louca quanto puder ser ao meu lado
Será que você será minhas palavras de alegrias e tristezas
Tipo aquelas que os amantes procuram, palavras de um amor rasgado para expressar
O que não se explica nem mesmo com as mais belas palavras
Mais com um simples olhar ?

Então você pode apenas me calar com um gostoso e longo beijo, eu compreendo
(eu sinto seu cheiro forte e embriagante )
Eu sei que isso é apenas um pensamento, uma poesia, um devaneio,
Mas isso irá nos encontrar e quando nos encontrar, ele irá implodir nossas vidas.
Eu só estou me e te libertando, então apenas deixe acontecer, não faça planos
Apenas faça acontecer que eu faço valer a pena
(Apenas deixe acontecer, não precisa ter medo)
Você pode simplesmente pode parar de falar, enquanto eu sacudo seu mundo
E isso para isso não precisa compreender apenas sentir
Yeahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh

Plus (((d-_-b)))

My heart is desperate wait for someone who does not come
I open the window give away to sea and sail my dreams
My secrets are exposed
My desires insurance
I will not suffer
Do not want to suffer
maybe dying

Just hitting the solitude of my bedroom window
I'm alone I do not know how long I'll endure
I'm discouraged, do not wanna cry.

A day in the rain the other in the sun
The ride good view never happened
I hear only the sound of silence
I do not know what to say
Just know crying

Manual (((d-_-b)))

O que esperar de mim:
Por não espere nada de mim
não que não vá fazer nada ou irei fazer tudo
só não sou convencional, não tenho formulas exatas
não me encaixo em manual ou relatório técnico.

Nenhum dia será igual ao outro, nem todos serão diferentes
sou exata antítese de ideias e ideais
a minha dialética me leva caminhos tortuosos e muitas vezes confusos
mais que num futuro trarão paz e evolução e como diz Caetano "Ou Não"

Meu mundo é simples-complexo, doce-amargo, compreensivo-irracional
aos que amo o mundo e todo o meu amor em quase toda a sua totalidade do tempo
aos que não simpatizo a frieza da birra do achar que já tenho tudo e todos os quero por perto

Não sou de milhões apesar de querer conquistar o mundo as vezes,
em outros dias me recuso até ao direito de levantar,
não sou diferente de muitos mais não sou igual a ninguém
querido por alguns, desafetos de muitos
uma boa lembrança para quem realmente decidiu ir e ler além da prefacio
um arrependimento para aqueles a quem não me dei de coração.

Dar palavra fácil de falar e difícil de praticar na sua totalidade
muitas vezes pensei que me dei as pessoas erradas nos momentos certos
ou a pessoas certas em momentos errados
mais pelo menos eu tentei, cai me quebrei mais fui eu
para quem me dei, não fiz valsa, flauta o praguejei

Errei sim eu acho ou podem achar em escolhas não feitas
ou escolher tudo ao mesmo tempo
ou do simplesmente não escolher nada em detrimento de outros
já me anulei e fui anulado, marquei e fui marcado, amei e fui amado
e acho que nisso fiz o certo vive, matei revive mais fiz muitas vezes aquilo
que achava certo

Hoje aproveito mais ou sou mais aproveitado, não sou de leitura fácil
mais nada é mais complicado do que ver além do que já muito foi falado
acho que ânsia maior do meu espirito sempre foi a certeza do amor
do amor eterno e terno, daquilo que não se esvai ou vai com o virar da ampulheta do tempo
Do sentimento mais real do mundo que muitas vezes é mais subestimado que a fé
em algo ou alguém maior, outra duvida ou curiosidade eterna que sempre habitou meu ser
Ser, sou Thomé d+ em muitas coisas e crédulo por d+ em outras
já levei fama que correm distâncias incríveis e mesmo sem merecer 1%
assumi os erros de outros por ser ou parecer ser cascadura
mais no meu intimo só eu sei o quanto sofri e chorei

Por faltas ou pela presença da ausência pura e simples daquilo
que julguei sempre o principal
o amor, o tal do amor ou que muitos chamaram de amor
e eu acreditei já me vilipendiou muito
mais a marcas nos fazem ou deveriam nos fazer crescer
como diz a Fernanda Takai
"Das brigas que ganhei nenhum um troféu como lembrança pra casa eu levei,
das brigas que perdi estas assim eu nunca esqueci eu nunca esqueci"

Ou seja quem sou hoje o que esperar hoje o que fazer com ele hoje
São perguntas que só o tempo irá lhe trazer
Sou um derivativo de alto risco, uma aposta no escuro
Para a felicidade quase que total ou para descrença total
do que sou ou do que você espera que eu seja

Afinal de contas esperar d+ de algo ou de alguém é o principal fator para uma provável
decepção futura ou não, pois posso sim ser acima de toda as expectativas
Se fores a tal metade completa daquilo que chamam amor...

Luiza Possi - Ainda É Tudo Seu (((d-_-b)))




Ainda tenho tantas coisas pra te dizer
E saber.
Você que sempre me ganha
Antes de me perder
Me faz ver.
Em cada melodia e letra que eu vou escrever
Tem você.
Sua boca me leva aonde vou me perder

Mesmo se não for pra sempre
Volto pra te buscar
Mesmo que eu siga em frente
Um dia vou te levar,
Mas não vá.
Ainda é tudo seu aqui
É tudo seu.

As horas vivem com pressa
Eu ando devagar.
Segredos moram comigo
Eu gosto de contar, pro céu.
A vida inteira é muito pouco só pra começar
Desvendar.
E quando os olhos se esquentam,
Eu perco a direção e a razão.

Mesmo se não for pra sempre
Volto pra te buscar.
Mesmo que eu siga em frente
Um dia vou te levar,
Mas não vá

Ainda é tudo seu aqui,é tudo seu
Ainda é tudo seu aqui,é tudo seu
Ainda é tudo seu aqui,é tudo seu
Ainda é tudo seu aqui,é tudo seu

Mesmo se não for pra sempre
Volto pra te buscar.
Mesmo que eu siga em frente
Um dia vou te levar,
Mas não vá,não,não,não

Ainda é tudo seu aqui,é tudo seu
Ainda é tudo seu aqui ,é tudo seu
Ainda é tudo seu aqui,é tudo seu
Ainda é tudo seu aqui, ainda é tudo seu
E sempre vai ser seu.

Ainda é tudo seu,tudo seu.
Ainda é tudo seu,tudo seu,
Ainda é tudo seu,tudo seu.

domingo, 18 de março de 2012

Caritas Eternum Est, Et Ducit Mundum Per Luce, Audi, Vide, Si Vis Vivere In Pace (((d-_-b)))

A confusão se contorce em volta de nossos corações
Impacientemente o mundo cobra uma decisão ou opinião
Quase esgota a fé que ilumina a escuridão
A mesma que nos deixava presos ao não saber
Das correntes de nossa guerra e a dor que certa vez nós chamamos de
Amor

O veneno da dúvida escraviza nossas mentes
E tenta começar a se espalhar pelo coração
Tentando nos fazer sangrar e sofrer
Muitas inverdade ditas nos fizeram abandonar a confiança
Que nos manteve longe de sermos cegos
E fazer com o que tudo que acreditávamos desaparece-se
Debaixo da asa escarlate do ódio, ou do leviatã da dor, da falta de fé
Em o que chamamos durante muito tempo de "nós"
Onde os que quiseram ser perdidos neste mundo cruel estão a salvo
Até que eles se contaminem e não amem mais
E retornem novamente a bestialidade de serem apenas mais um
No mundo vão, em vão

Um coração repleto de luz e fé é a única esperança
De encontrar a verdade em tudo o que ah ou houve em nós
E aquela esperança será nosso
Ora Pro Nobis amor

Nos rezamos para a encontrar tudo
Desesperadamente
E as vezes quando achamos ou quando
As perguntas são respondidas e nós tentamos
Simplesmente nos pomos a chorar ou desatar
Por não perseverar em nossa certeza
De que estamos sofrendo por não lutar pelo ou simplesmente de desistir do
Amor

Na masmorra em onde a maioria de nós guarda seus sonhos
Eles ficam cada vez mais fracos
Quantas das nossas promessas são feitas simplesmente para serem quebradas
E a não lutar por isso ainda assombra nosso sono
Então não o que faremos, viveremos para sempre com nossos olhos abertos?
Por medo de sofrer, por não lutar ou acha que vamos morrer por dor
Novamente

A salvação que todos nós procuramos estará e sempre esteve lá nos esperando
Mais deixamos o nosso coração na escuridão, solitário e medroso
Com uma promessa de morte ao amor
Por culpa do nosso amor?
Ou por não querer mudar aquilo que nos ganhar a dor?

E agora que está falsamente livre
Das correntes de nosso querido amor
Você está cada dia mais só e tão perdida
E então o que o deveria o motivo para essa guerra toda - Ou quem se encontra perdido?

O sentimento mais puro que provem do coração é a única esperança
De encontrar, reencontrar, fazer, re amar
A luta por aquilo era e será sempre só nosso
Não faça disso um réquiem ao amor

Seque as suas lagrimas
Sacuda a poeria
Olhe em frente e verá que eu sempre estive lá
A te esperar, com erros no passado
Com a correção do presente
E força de fazer um novo futuro

Envolva-me em seus braços
E canto-te uma linda canção
Abrace-me até sermos um
E seja a mais bela das minhas composições

O coração é esperança
De encontrar o tal "nós" lá
E aquela esperança sempre será de ser eu e você de ser o "nosso"
Vade Mecum amor
E que está seja a nossa
Ultima Ratio Rerum


Significado:

Réquiem, "Trata-se de uma palavra latina que significa "repouso", no sentido de morte"
Ora pro nobis, "Reza por nós"
Ultima ratio rerum, "A derradeira solução".
Vade Mecum, "Vem comigo"

Fuck Miss Perfect (((d-_-b)))

me tira daqui
me deixa fugir
fugir de você
de tudo que não foi acertado
me esquece, morri
eu nunca existi
passei por aqui tão rápido
nem fui reparado
quando foi que te vi
quando admiti
alguém que me fizesse esse mal danado
me solta, fingi
que nunca esqueci
que já perdi um tempo ao seu lado

vendo as certezas mais insistentes
vendo as mentiras mais convincentes
um pouco beijo de despedida
e chegada na estação

vendo as certezas mais evidentes
vendo as mentiras mais indecentes
enfeitadas com cuidado
numa vitrine em promoção

não sei se quero ver, vender ou vendar

Você não me conhece (((d-_-b)))

Você me quer bem
Quando eu tô legal
Te incomoda porque
Me faz bem
Pra jogar na cara
O que acabou de fazer

Me deprime, me derruba
E depois reza por mim
E o meu crime, fechar as telas antes do fim

Você começa esse jogo chato e eu acabo
Manda seu Boeing na torre, não desabo
Desfila sua vida cor-de-rosa e eu caso
com o diabo...

Você finge que não me conhece
Mas me ama pra sempre porque te convém
Reaparece
Se pinta outro otário
Não sou mais ninguém

Me censura, me blasfema
E depois ora por mim
E o meu crime, isolar as lagrimas antes do fim

Você começa esse jogo chato de vaidades e eu acabo
Manda seu Boeing na minha torre, não me movo e nem desabo
Desfila sua vida cor-de-rosa
E eu que vá pro diabo...

Mais na sua ironia burra, dou cabo
Meu bem, nem tô passando perepis, nem estou em cacos
Enfia sua vida cor de rosa no rabo...

Quem nunca confere o que pode estar além, acaba sempre vivendo aquém...
Quem com o ferro não fere,
será ferido também!

Você não me conhece

Sem Meias Palavras (((d-_-b)))

Medo, era medo de errar
Tarde, muito tarde
pra consertar...
Sem você, deixo de ser o que desejo
eu não sei reconhecer o que não vejo
não vou fabricar alguém pro seu lugar
Cedo, muito cedo
pra provar
Outras cores, novos planos
sonhos, dores, desenganos
Sem você, perco meu prumo, rumo,norte
sim, eu sei, devo contar com a minha sorte
e não procurar alguém pro seu lugar
Explode em silêncio a frase pronta que você lançou:
"O tempo sempre cura toda e qualquer dor de amor"
Sem você, perco meu ponto de partida
Sim, eu sei, resta tentar tocar a vida
mas não haverá alguém em seu lugar

Crime do Desassossego (((d-_-b)))

Cumpro a sentença,
e compenso o que a cela limita
Peço licença de meu senso
e me faço visita
Me conto como está um antigo amigo inventado
Confesso a saudade de estar comigo ao meu lado
e tento cavar um túnel
que me leve de volta
a tudo que me prendeu
sem saber ao certo se era eu
Naquele instante
diante da chance
de roubar um pouco de paz

Sem recompensa
um clima tenso e a pena me irrita
mas não faz diferença
me convenço e cancelo a visita
me dou um bolo sem nenhum sabor
bolo um plano de fuga à prova de dor
e tento cavar um túnel
que me leve de volta
ao mundo que me prendeu
sem saber ao certo se era eu

Brigo pelo estopim de um motim, de uma fuga em massa
uma rebelião qualquer que me devolva a graça
e um sol quadrado não me aquece, já não amanhece
o brilho que existia em meus olhos
naquele instante ...

Naquele instante
diante da chance
de roubar um pouco de paz
roubar um pouco de paz
preso por não ter sossego

sábado, 10 de março de 2012

(há apenas amor!) (((d-_-b)))

Olá, minhas correntes,
Eu não as posso impedir que vocês voltem a habitar meus pulsos
Eu não acredito que eu quero fazê-lo ou dizê-los a ti agora.
Uma mão escrevi sobre o amor, a outra retrata a vergonha,
Eu sei tenho egoísmo e outros tantos para culpar...

E eu estou cantando por liberdade,
Para por tudo que está dentro preso para fora
Eu sei que eu não sou o único orando
Perguntando o que fazer ou para onde ir
Ao Único que pode me trazer esta verdade
Estou pronto pra mudar, mudar e mudar...

Olhando pra baixo eu sigo,
Eu continuo segurando minhas correntes
Afinal elas me fazem lembrar sempre do que não deveria ter esquecido
No mais, eu passei dos meus próprios limites
E quanto mais eu olho, mais chocado eu fico
Eu grito Pai, por favor
Eu preciso de resgate,
Eu preciso de você apenas.

E eu estou escrevendo por liberdade,
Eu sei que eu não sou o único orando para o Único
Que pode nos trazer de volta a tal lealdade
Estou buscando estar pronto para eternidade, pronto para...

E você ainda aguarda pacientemente
E eu simplesmente não irei desistir
Eu vejo você e só você apenas.
E por mais que eu tenha me virado um segundo em outra direção
Tentando te esquecer, eu vi que nada conseguirá chegar perto
Do que é você em mim
Diga "venha você estou aqui porque ainda ah nós!!!, você consegue me ver??"

E eu estou te falando a verdade...
E eu estou te cantando isso por paz e liberdade...
As brisas do tempo vieram a tentar nos separar, mais ela perdeu a guerra para o amor
Pegue minha mão, a vida começa quando o querer é achado,
É sim, onde suas palavras começam as minhas tentam chegar
No pesar e na reflexão do que se realmente começa uma nova vida
Pegue minha mão, no final há apenas amor...

(há apenas amor!)

Só há liberdade para te mostrar,
Eu sei que eu não sou o único orando pedindo direção para o Único
Que pode nos trazer essa liberdade,
Estou pronto para, eu estou pronto para-
Por favor, eu preciso de emergência, eu preciso de você e só você ...

quinta-feira, 8 de março de 2012

23:52 (((d-_-b)))

Ela é uma garota complicada e bonita
Ela está sempre caindo
Eu acho que eu simplesmente me apaixonei
Pela seu mix de tristeza britânica e alegria brasileira
Essa é a beleza dela
Mas ela nunca vai se lembrar

E eu sempre posso encontrá-la
No fundo de um copo ou numa garrafa de vodka
Se afogando na sinceridade de um bêbado tirado a poeta qualquer
Uma garota triste e sozinha

Pare de chorar tanto
Pare de chorar tanto
Querida, vamos lá

E ela disse
Acho que estamos ficando sem o feitiço do álcool esta noite
Eu odeio esta cidade maldita
E todos os meus melhores amigos
Estão pensando em porque de tanto e tão forte
E ela nunca vai se lembrar

Então, por favor, me leve pra bem longe daqui
Antes que eu esteja caído no chão
E todas minhas palavras sejam usadas contra mim
Mais uma vez
Um garoto triste e sozinho

E a única que coisa que conseguimos pensar é
Parar de chorar tanto
Pare de chorar tanto
Querida, querido, vamos lá
Tem alguma coisa sobre o amor para falar a mim?
O passado é apenas o futuro com as luzes acesas...

As lágrimas (((d-_-b)))

As lágrimas que caem do seu resto e que eu não vejo
Com certeza são as que mais me machucam
Assim como as minhas rolam e ninguém as vê
Assim segue a vida nos mutilando em tantas pedaços
Seja possível
Os olhos vermelhos, a cara inchada continua
Durante a madrugada toda
E o sorriso desbotado já não encobre mais as marcas do tempo
E nem da dor, são tantos sonhos...

Há tantos sonhos, mas tantas vezes ( Dark Version) (((d-_-b)))

Que diabos deu errado nos dias de hoje

Demorou algum tempo para perceber o que está acontecendo
Percebi tarde demais que você fosse até
Por que você está me machucando o que eu fiz
Se houver razões para isso diga-me alguma coisa
Eu não posso acreditar o jeito que você fala para mim

É melhor você parar com isso agora que é tudo que tenho a dizer

Até agora não há necessidade de pânico nem brigas
Inspire, expire, acalma-se e fale pausadamente
Minha mente confusa e cansada de guerra não consegui mais processar tantas coisas

Se você está realmente prestes a quebrar comigo
Certifique-se que não há como voltar atrás


Se quer falar sabe onde e como me achar
Então que venha sem armas pois isso nunca foi uma guerra
E quantas vezes esse boom tem que matar e destruir, ao invés de construir

tantos sonhos, mas tantas vezes
Nós construímos essas paredes e palavras para viver atrás
Se quer mudar
Diga-me
agora o que ai dentro de verdade é importante
Se quer então vá lutar, ao invés da banda podre mostre
O que sempre houve de bom e faça acontecer

Quando vamos deixar este cemitério

Então faça acontecer que eu faço valer a pena...

sábado, 3 de março de 2012

Always (((d-_-b)))

Sim é verdade eu sinto sua falta
Como o sol senti falta da brisa
Como o poeta é um fragmento sem sua musa
E agora o que eu sinto, é sua falta

Não, eu só quero ter você
Ser a primeira e a última coisa em sua mente todos os dias
E saber que você ama aquele longo abraço forte e tão apertado
Sim, eu sinto sua falta
Sempre

Nós gostamos de estrelas cadentes, vento no litoral
E ver o mar quebrar nas pedras na praça do sol
Mas agora você só vê satélites
Mas chorar não vai trazer você de volta
Como bumerangues atirados que vão e voltam

Vou esperar até o dia
Em que nós nos encontrarmos novamente
E eu possa lhe dizer que você está no meu coração
Sempre
Tatuado em meu peito para todo sempre

Eu sinto sua falta
Como o Romeu quando perdeu a sua Julieta
Como o Hidrogênio senti do Oxigênio para formar a Água
Sim, e o que me resta dizer é
Eu sinto sua falta sempre...


sexta-feira, 2 de março de 2012

Há tantos sonhos, mas tantas vezes (((d-_-b)))

O que se passa vejo que você está tão torturada
Não diga mentiras para quem lhe vê através do rotulo
Não me diga que você não está sofrendo e se sentindo em pedaços
Que diabos deu errado nos dias que antecederam seu hoje
Se você quer um ombro para chorar
Então ouça a pergunta que precede sua resposta

Tivemos um tempo quando eramos parte de uma mente maior

Nós costumávamos ser um tipo de amigos, que costumavam querer se ver todos os dias
E isso só foi crescendo a cada dia mais e mais em nós
Demoramos algum tempo para perceber o que estava acontecendo
Você deu o seu melhor, eu te dei tudo o que passava na minha mente em post's de papel
Percebemos que nem sempre o demais é a perda da razão
Até que nos perguntamos por que a saudade daquele tal ser está me machucando?
E quando nos demos conta depois de algumas palavras
"Oh DEUS o que nós fizemos"
E nestas horas não motivos para procurar razões para calar a emoção do coração
E em um olhar se diz mil coisas
Eu não posso acreditar o jeito que você mexe em tudo aqui, mesmo estando ai

É a os outros recaldados nos dizem
"melhor vocês pararem com isso agora, é tudo o que eles tem a dizer"
"ainda dá tempo de escolher nós ou ele, nós ou ela "

Até agora não há necessidade de pânico
Inspire, expire
Se você está realmente prestes a estar comigo
Certifique-se que não há como voltar nem olhar para trás

As vezes há tantos sonhos, mas tantas vezes
Nós construímos essas paredes para impedir de ver o que tem atrás
Diga-me quantos sonhos já foram enterrados no seu cemitério

O que se passa em nossos corações
Não podemos medir
Para muitos o sentir, é a prova que ah algo de errado aqui
Não ligue para o que está lá fora afinal de contas o amor
É o dom mais precioso de DEUS contra o diabo
E hoje mais duas almas encontram a salvação
Sim juntos somos mais e mais fortes a cada dia
Então, deixe o mundo saber
Hoje, somos eu e você
E se isso for um sonho
Impeça alguém de nos acordar

Há tantos sonhos, e tantas vezes nós deixamos escapar
Nós desta vez desconstruímos essas tais paredes que não nos deixavam viver
Sem o tal do "mas"
Diga-me o quão é belo aqui dentro
Quando nos conta que o mundo
É bem mais do que viver preso e blindado num quarto fortaleza castelo

Há tantos sonhos.

Agora ah nossa felicidade os causa pânico
Inspire, expire e seja feliz.

quinta-feira, 1 de março de 2012

Quando as gotas de lágrimas caem São pelas mesmas palavras dos lábios que saem (((d-_-b)))

Hoje o vento certo
Me levou daqui
Água da mina que desliza pura sobre mim
Você é mais
Hoje o vento certo
Fez você voltar pra mim
O sorriso da menina que me faz feliz
Você é mais do que eu sempre quis

Pra encontrar você eu tive que me perder
E quando anoitecia não conseguia dormir
Com sede de você amarguei que nem jiló
[U ô ô o ... \o/]
Das águas que provei
Você foi e é a melhor...

P.I.M Say V4 "Impeça alguém de me acordar" (((d-_-b)))

"Pouco tempo pra te ver
Na estrada eu lembro de nós dois
Tempo bom que não se foi.
Impeça alguém de me acordar
Realidade sem você ao meu lado
Bem melhor é sonhar
Um dia a gente vai se ver
E seremos só eu e você"