Welcome to the land of questions

A Arte De Reinventar - Ajuste Suas Antenas

"já me sinto feliz se as palavras tocam ou te fazem pensar nem que seja por 1 segundo apenas, isso mostra que a mensagem foi lançada ao mar numa garrafa e chegou onde deveria chegar no coração de alguém que entendeu essa loucura que é o amor "
"Palavras que queimam na minha boca, Derreterão dentro de seus ouvidos"

quinta-feira, 25 de março de 2010

Loving After you (((d-_-b)))

Quando a verdade é
eu sinto sua falta
Sim, a verdade é
que eu sinto tanto a sua falta

domingo, 21 de março de 2010

Eletricidade (((d-_-b)))

Porra É Foda Eu Te Amo Pra Caralho

Uns recalcados vão ler e dizer que é isso
outros vão querer entender
mais o corre e queima nas minhas veias é você
somente você e mais ninguém, e por mais que eu tente
parece ser minha maldição ou benção amar eternamente você
mesmo que essa distância queria me congelar a força do amor
ainda insiste em tudo ao meu redor queimar
e me dá forças para gritar ao mundo que eu vivo para te amar

...(((d-_-b)))

E eu já sinto meu corpo afundar
E eu me esforço para não me afogar
Cada vez mais no fundo do mar
Com ela...

. (((d-_-b)))

Eu não sinto que você
Se encaixa num lugar
Onde o mundo inteiro está
Eu não vejo mais porque
Fingir assim querer viver
Se você já não quer mais

Não precisa mais temer
Não precisa se esconder
Você já pode respirar
Ninguém vai fazer você chorar
Nada vai te machucar
Ninguém pode ver você, só eu

Se você quer estar onde ninguém pode te ver
Se esconda nos meus braços e eu faço você desaparecer

sábado, 20 de março de 2010

I Want You Now (((d-_-b)))



Eu quero você agora
Amanhã não serve
Há dentro de mim uma ânsia
E está transparecendo
Estique suas mãos
E aceite meu amor
Já basta
Eu quero você agora

Meu coração dói
Meu corpo queima
Minhas mãos tremem
Minha cabeça revira
Você entende
É fácil escolher
Temos tempo para matar
Não temos nada a perder


Não quero soar
Como um dos garotos
Não é isto que estou tentando fazer
Não quero ser
Como um dos garotos
Só quero você agora

Porque eu tenho um amor
Um amor que não vai esperar
Um amor que está crescendo
E está ficando tarde
Você sabe o que significa
Ser deixado no desejo deste jeito
Quando você se foi
Enquanto os sentimentos e adrenalina permanecem
Eu só quero te dizer que
Eu quero você agora

Here anything can happen, Anything can happen including anything (((d-_-b)))

I gave up insisting on hitting the same port
I decided to admit that the past was better
Destiny comes screaming it's to see if we wake
And the future to show it could be worse

I decided to change,
Temporarily Permanently

Because anything can happen here
Here I live in the early
(I'll put on the road)
Here anything can happen
Anything can happen including anything

The story to follow, life, after a dream
And that's just not quitting his day will come
It's so easy to be deceived by this talk so strange
And if luck does not smile, everything can fall

I decided to change,
Temporarily, for ever and ever.

Will Anyone Listen? (((d-_-b)))


Well if I speak will anyone listen?
And if I scream will anyone cry?
And if you're judged I know they won't sentence
But if i'm judged I'll certainly be crucified
And when I dream will anyone be there?
To say I'm wrong and tell me what's right
Go live your own and all else will follow
That's what they say but people will pry

It this life I know that every tear comes in double
But this life will go and look what you're left with

Will anyone listen?

Sem Você!!! (((d-_-b)))


Almoço sem você é sanduíche
Os filmes sem você viram curta metragem
Abraço sem você é luta livre
E o tempo sem você não tem asa, não voa
Viagem sem você é só passeio
A cama sem você é mar aberto
A chuva sem você é bombardeio
E a noite sem você é festinha de criança

Cinema sem você é compromisso
Carência sem você é doença sem cura
Dinheiro sem você é desperdício
Sorriso sem você, visita ao dentista
Surpresa sem você é só um susto
Tristeza sem você é caso perdido
Presente sem você, cavalo de tróia
E um beijo sem você, respiração boca a boca

Captou a mensagem, não saia do meu lado
Eu vivo o tédio sem você
Captou a mensagem, dá tudo sempre errado
É tudo médio sem você, sem você


sexta-feira, 19 de março de 2010

Always (((d-_-b)))

Estive aqui algumas vezes antes
E eu estou completamente ciente de que eu estou indo
E suas mãos, elas tremem com despedidas
E eu traria você de volta, se você me dissesse sim

Então aqui, estou, estou tentando
Então aqui , estou, você está pronta?

Vamos, deixe -me abraçar você,
tocar você,
sentir você
Sempre
Beijar voce,
provar você,
a noite inteira
Sempre

E eu sentirei falta do seu riso, do seu sorriso
Eu admitirei que eu estou errado, se você me disser
Eu estou tão cansado de brigas, eu odeio elas
Vamos começar isso de novo, de verdade

Irreversível - CPM 22 (((d-_-b)))

A vida me sorri, então
Recolho os cacos que deixei no chão
Milhares de recordações transformam tudo em canções
E essa daqui é pra você!

[refrão]
Se eu pudesse desfazer
Tudo de errado entre nós
E apagar cada lembrança sua
Que ainda existe em mim
Eu sei que nada que eu diga vai trazer
O longe pra mais perto de mim dessa vez
Porque gostar de alguém vai ser sempre assim,
Irreversível

A vida ri de mim então
Percebo o quanto é triste te esperar em vão
Mas acho forças pra cantar
Quem sabe você possa me escutar
E eu só queria te dizer...

[refrão]
Se eu pudesse desfazer
Tudo de errado entre nós
E apagar cada lembrança sua
Que ainda existe em mim
Eu sei que nada que eu diga vai trazer
O longe pra mais perto de mim dessa vez
Porque gostar de alguém vai ser sempre assim,
Irreversível

A cada passo que eu dou pra frente
Sinto o meu corpo indo pra trás
E a cada hora que vivo sem sentido
Parece me fazer te querer cada vez mais

Eu trago em mim apenas um sorriso
Braços abertos pra te receber
Mas acabo sempre triste e sozinho
Procurando uma maneira de entender

Se é irreversível para mim
Então é reversível pra você
Se tudo tem que ser assim
Então deixa ser...

Mas só queria te dizer,

[refrão]
Se eu pudesse desfazer
Tudo de errado entre nós
E apagar cada lembrança sua
Que ainda existe em mim
Eu sei que nada que eu diga vai trazer
O longe pra mais perto de mim dessa vez
Porque gostar de alguém vai ser sempre assim

Irreversível é só o fim!
Irreversível é só o fim, pra mim!

Somos Apenas Um - Luan Santana (((d-_-b)))




Hoje eu quero te tocar
Sentir seu coração
Quero namorar
Viver essa paixão

Me dá um beijo
Nesse amor somos apenas um

Oh, meu amor, me abrace
Amor, somos apenas um

Eu sinto o cheiro do perfume
Solto pelo ar
E aumenta o desejo
De me apaixonar

Vem me beijar, meu bem
Nosso desejo é ser apenas um

Oh, meu amor, me abrace
Amor somos apenas um

É você vai ser pra sempre
Meu destino, minha luz
E meu mundo será sempre
Como se estivesse a voar
No céu azul

Aí então, quando você sentir os lábios meus
Verá que o seu caminho é de encontro ao meu

E, nesse beijo, nosso amor
Será apenas um

Oh, meu amor, me abrace
Amor, somos apenas um
Oh, somos apenas um, yeh

É, você vai ser pra sempre
Meu destino, minha luz
E meu mundo será sempre
Como se estivesse a voar
No céu azul

Aí então, quando você sentir os lábios meus
Verá que o seu caminho é de encontro ao meu

Me dá um beijo, nosso desejo
É ser apenas um

Oh, meu amor, me abrace
Amor somos apenas um

Oh, meu amor, me abrace
Amor somos apenas um

Oh, meu amor, me abrace
Amor somos apenas um

domingo, 14 de março de 2010

(Walls) (((d-_-b)))

I speak pras walls (people)
And they listen to me
And I'm angry
Silently
And some cracks

Cry pras walls (people)
And they stare at me
And choke
Between peeling
And dirt

I speak at people (walls)
And they're avoiding me
And I'm tired
With mania, and some implications

Scream at people (walls)
And they snub me
And flatter
Between interests
And passions

More of the throat that does not tire
The voice reaches a time without end
And the dead leaves on the ground
- From another station --
Are still beautiful
Are still perfect
Are still (forever)

Failing that failure is(((d-_-b)))

Again, things are out of place
When then, I begin to feel at home ...

And if the desire is a disorder
A "hands up, stay where you are!"
Quietly I gather,
I choose to shut me up

Again, your eyes should report me
How not to repair I delay?

And if the desire is a disorder
A "hands up, stay where you are!"
Quietly I gather,
I choose to shut me up

And nothing will belittle everything that we are still
Surely we assume
But life outside
Tá now calling
And do not delay!
Who offers more?
Failing that failure is

A Você Meu Desassossego (((d-_-b)))

Incendiando tudo ao meu redor
Incendiando minha vida
Eu só observando a natureza dessa chama
que inflama, se alimenta com seu ar
Ar que me falta, que me esgota
toda vez que você chega
mas não chega
e me trata com desdém
também nem bem me conheceu

Me esforço, me lanço
me queimo no fogo
Insisto, resisto
Invisto no jogo
Sem cartas na mesa
certeza nenhuma

Era, Amar ela


Meu Desassossego "A Você" (((d-_-b)))

Cumpro a sentença e compenso o que a cela do meu coração limita.
Peço licença de meu senso e me faço visita.
Me conto como está um antigo amigo inventado,
Confesso a saudade de estar comigo ao meu lado
Sem recompensa, um clima tenso, a pena me irrita..
Mas não faz diferença, me convenço e cancelo a visita.
Me dou um bolo sem nenhum sabor,
Bolo um plano de fuga à prova de dor e
Tento cavar um túnel que me leve de volta
Ao mundo que me prendeu sem saber ao certo se era eu naquele instante.

Brigo pelo estopim de um motim, de uma fuga em massa
Uma rebelião qualquer que me devolva a graça
E o sol quadrado não aquece, já não amanhece o brilho que existia em meus olhos
Naquele instante,
Diante da chance de roubar um pouco de paz,
roubar um pouco de paz, preso por não ter sossego

O preço do meu apreço (((d-_-b)))

Não sou seu prêmio ou recompensa
sua sentença ou punição
Não sou seu grêmio, sua crença
Indiferença ou solução

Não sou relíquia ou raridade
a novidade da estação
Nem sua força de vontade
seu bicho de estimação
Não sou a mosca na sua sopa
nem a sujeira no seu chão
Ferida, mancha na sua roupa
Clube, parque de diversão

Mas sou aquilo que me der na telha
e que se assemelha
ao que você bem entender

Se me reconheço naquilo que quero
e me fortaleço num abraço sincero
Se me compadeço do que menos espero
e já não esqueço que o preço do meu apreço é arriscar

Breve Conto do Velho Babão (((d-_-b)))

" O Lobo "
Quis voltar o tempo
Não sabia envelhecer
O velho babão
Tinta no cabelo
Com sua ninfeta troféu
Farreava pra valer
Tinta no cartão
E quando nela gozava para idade diminuir
E enquanto isso ela ganhava o que desejava
Será possível encontrar alguma explicação
Pra crise de meio pau
Que tratava com doses de juventude da sua recheada carteira a seduzindo
As menininhas com idades de serem sua filha adolescente

" A Esperta "
Síndrome de Estocolmo
Vontade de peitar
Explicava em vão
Enquanto bebia sua dose "D"
E tentava ser e se convencer
Que aquilo era afeição
E quantas máscaras guardava
Pra fingir
Que não cobiçava, que naquilo acreditava
Outro "peitismo" "exibicionismo"?
Outra tola baseada em ismos!!!
Pra crise vaginal
Se escondia em outros
De verdadeiro nisso
Nem as mentiras ah frente

Chorava o leite derramado
A mesada perdida
Tudo que havia conquistado
Bens patrimoniais
Cursos profissionais
Bens da era digital
Agora
Sabia muito bem pra que
E na defesa de tudo isso
Um discurso muito bem decorado
Tinha orgulho do passado
Um passado que nunca esquecia
Toda vez que enlouquecia
Se esfregando pelos corpos
Doida de "P"

" O Lobo "
Até que um dia agonizou
Ajoelhado
Com a boca roxa
Enfartando e cheio de cançer na balada
E a galera
Achando o lance engraçado
Comentando:
"Olha o show do coroa, querendo tudo que deu a esperta de volta
Que piada"

Quiseram parar o tempo
Mais seus tempos acabaram

(((d-_-b)))

Ela está tão só
Eu estou também
Ela é tão bonita
E eu não sou ninguém
Eu já sei de tudo
Vi em seu olhar
Mas eu fico mudo
Quando vou falar

Ela é a lua
Vive a brilhar
Eu sou tão pequeno
Diante do luar
Por ela eu espero
Seu olhar imploro
Sonho com seu rosto
No meu colo

Por que tão linda?
Por que tanta beleza?
Seja bem-vinda
Minha princesa
Mas se é tão linda
Por que tanta tristeza?
No seu quarto escuro
Talvez eu seja uma luz acesa

(((d-_-b)))

Meu coração, bate sem saber
Que meu peito é uma porta que ninguém vai atender

Quem sente agora está ausente
Quem chora agora esta por fora
Quem ama agora esta na cama doente
Só corre nunca chega na frente
Se chega é pra dizer vou me embora
Sorriso não me deixa contente

E todas as pessoas que falam pra me consolar
Parece um bocado de boca se abrindo e fechando
Sem ninguém pra dublar
Eu já disse adeus antes mesmo de alguém me chamar
Não sirvo pra quem da conselho
Quebrei o espelho, torci o joelho, não vou mais jogar

Meu coração, bate sem saber
Que meu peito é uma porta que ninguém vai atender

domingo, 7 de março de 2010

Feliz Dia Das Mulheres (((d-_-b)))



Não importa a raça o credo ou cor
todos nós por elas morremos
ou por amor delas nasceremos
para vocês que lutam, amam, choram, gritam
são mães, pais, amigas, namoradas, noivas, e de tão bom grado
nos acolhem no ventre, nós mostram o caminho sempre
para você mulher doce e forte ser nada melhor do que
o meu mais sincero e querido parabéns
por este dia representado no dia 8 de Março
mais que todos os dias se faz

As duas faces da mesma moeda (((d-_-b)))


Todos nós temos um ponto fraco
Alguns dos nossos são fáceis de identificar
Para quem te conhece e te
Olhou nos olhos
E viu através da sua alma

Não peça perdão
Eu fiz um pacto silencioso
Para nunca falar esses nomes ou palavras novamente
Sim, você é meu ex amigo"a"

Todos nós temos algo que nos fere e cicatriza
O do que adiantou ferir uns aos outros?
Então quando a fraqueza assolar seu ego
Ai iremos saber que você tudo teve num passado comigo

Todos nós temos uma doença o apego
Que estupidamente se espalha e se multiplica
Não importa o quanto tentemos impedir
Ela sempre que voltar e nos ferir
Mais as cicatrizes estão lá para nos lembrar
Que é para frente que se deve seguir

Se o mundo ou você quiser se transformar em outro
E um dia quiser mudar
Cave bem fundo e tente resgatar aquilo que está cobrindo
O que um dia foi a sua melhor parte.
Cante uma canção, seja sincera e declare seu amor de coração
Mais lembre-se de que você sempre terá
A suas lembranças quando todo o resto tiver acabado

When everything else is gone (((d-_-b)))

Encontre-me aqui em 10 de dezembro, venha sozinha
Traga sua boca de fel e decadência seletiva, de quando era uma estrela

Mate as suas vitimas com a mais fria das armas, confiança
Sem mais palavras, só o som de lágrimas decadentes colidindo

Aqui estou, lá está você... com um fio em mal contato
Que ligou um dia nossos corações
Havia uma linha que estava amarrada a uma pipa
Há uma tempestade no céu, agora as nuvens cinzas tornam-se elétricas
Lá está você, aqui vou estou, adeus.
Com certeza você não poderia voltar a formar só um

Writing To Reach You (((d-_-b)))

Every day I wake up and it's Sunday
Whatever's in my eye won't go away
The Radio is playing all the usual
And what's a Wonderwall anyway

Because my inside is outside
My right side's on the left side
Cause I'm writing to reach you now but
I might never reach you
Only want to teach you
About you
But that's not you

It's good to know that you are home for Christmas
It's good to know that you are doing well
It's good to know that you all know I'm hurting
It's good to know I'm feeling not so well

Because my inside is outside
My right side's on the left side
Cause I'm writing to reach you now but
I might never reach you
Only want to teach you about you
But that's not you
Do you know it's true
But that won't do

Maybe then tomorrow will be Monday
And whatever's in my eye should go away
But still the radio keeps playing all the usual
And what's a wonderwall anyway

Because my inside is outside
My right side's on the left side
Cause I'm writing to reach you now but
I might never reach you
Only want to teach you
About you
But that's not you
Do you know it's true
But that won't do
And you know it's you
I'm talking to

Run (((d-_-b)))

Esses tempos são contagiosos?
Eu nunca estive tão aborrecido antes
Esse é o prêmio que tenho esperado?
Agora com as horas passando
Não há mais nada aqui para cobrir
Eu desejo encontrar uma mensagem

Eu tenho um caminho longo para percorrer?

Há uma cura entre nós?
Desse processo insano e a sanidade
Eu caia com cada voz que cantava e
Agora, nesse mundo de pagamentos
Eu vou comprar de volta memórias
Para acordar algumas velhas qualidades

Eu tive um caminho, muito longo para percorrer?
Sim.

sábado, 6 de março de 2010

Ice Queen (((d-_-b)))


Quando as folhas já caíram
E céus se tornam cinzentos
A noite continua a avançar sobre o meu dia
Um rouxinol canta sua canção de adeus
"a doce melodia que vem do mar de gelo"
Melhor você se esconder do inferno glacial dela

Em asas frias, ela está vindo
Melhor eu continuar me movendo
Você sentirá falta do meu calor
E de quando dizia
"Venha, apenas sinta
Você não crê?"
Era melhor você ter acreditado

Quando ela fala e te abraça
Meu coração vira pedra
Ela vem à noite quando você estiver totalmente sozinho
E quando ela sussurra
Meu sangue corre frio até congelar
Melhor você se esconder antes que ela o ache
E te coloque numa esquife de gelo eterna

Quando ela está enfurecida
Ela acaba com toda a vida
Você acha que eu não vi?
Você acha mesmo que eu não senti?
As ruínas do meu mundo


Ela cobre a terra com um manto sufocante
O sol se levanta e o derrete
O mundo abre meus olhos agora e consigo ver
O amanhecer de mais um dia

Em palavras frias ela está se destruindo
Melhor eu continuar te esquecendo
Você sentirá falta do calor
Vá, apenas minta
Você nunca viu?
Era o pior que poderia
Era me voltar contra você

Quando ela estava enfurecida
Ela acabava com toda a minha vida
E um dia eu vi!
As ruínas de silêncio, um antigo mudo

Quando ela está enfurecida
Ela jogava com toda a sua vida
Nós vimos!
O fim de um reinado
E uma rainha de gelo
Destruir seu próprio mundo

Sentimentos requentados ou não (((d-_-b)))

Quem vai nos dizer o que é certo ou o que é errado
qual o valor que o amor pode ter, e quanto será esse valor ao mesmo se perder?
me diz quem sou eu hoje, me diz quem é você?
com quantos cacos se refaz algo que um dia já foi um inteiro
quem te você vê quando se olha no espelho
de quantos medos superados, de quantos gritos engasgados e sufocados pela dor,
precisei para que você só ouvisse, muito depois o meu murmúrio ?
o quanto nos custou passar para o outro lado do muro
quantas fugas são precisas para que se veja que não fugíamos de ninguém e sim de nós mesmos?
e quantas palavras são necessárias para que se volte atrás
neste mundo, quem é mais o que foi, ou que seremos e será mesmo que fomos ou vamos ser?
quem te fez sofrer minutos, agora é o(a) mesmo(a) que pelo resto da vida te faz crer?
qual medida de um amor, quanto custa uma dor, qual a cor do seu antigo novo mundo?
quem te realmente te conhece ao profundo merece ou mereceu mesmo ganhar o pior do seu mundo?
são tantas perguntas e tantas respostas, que poderia ficar dias e dias só em questionamentos e respostas e para uns tudo mudaria para outros de nada ajudaria ?
"nada melhor que um dia após o outro"
Será que quantos mais se vê menos se enxerga"

Pescador De Ilusões - O Rappa (((d-_-b)))



Se meus joelhos
Não doessem mais
Diante de um bom motivo
Que me traga fé
Que me traga fé...

Se por alguns
Segundos eu observar
E só observar
A isca e o anzol
A isca e o anzol
A isca e o anzol
A isca e o anzol...

Ainda assim estarei
Pronto pra comemorar
Se eu me tornar
Menos faminto
E curioso
Curioso...

O mar escuro
Trará o medo
Lado a lado
Com os corais
Mais coloridos...

Valeu a pena
Êh! Êh!
Valeu a pena
Êh! Êh!
Sou pescador de ilusões
Sou pescador de ilusões...

Se eu ousar catar
Na superfície
De qualquer manhã
As palavras
De um livro
Sem final! Sem final!
Sem final! Sem final!
Final...

Valeu a pena
Êh! Êh!
Valeu a pena
Êh! Êh!
Sou pescador de ilusões
Sou pescador de ilusões...

Se eu ousar catar
Na superfície
De qualquer manhã
As palavras
De um livro
Sem final! Sem final!
Sem final! Sem final!
Final...

Valeu a pena
Êh! Êh!
Valeu a pena
Êh! Êh!
Sou pescador de ilusões...

Valeu a pena
Êh! Êh!
Valeu a pena
Êh! Êh!
Sou pescador de ilusões
Sou pescador de ilusões...

Valeu a pena
Valeu a pena
Sou pescador de ilusões
Valeu a pena
Valeu a pena
Sou pescador de ilusões
Sou pescador de ilusões
Valeu a pena!...

sexta-feira, 5 de março de 2010

Microondas (((d-_-b)))

Tem coisas lá em casa que eu nem ligo mais, pra não ter que desligar.
Pessoas da minha vida parecem sumir, mas insistem em voltar.
Amores requentados, feito pão dormido, vêm do microondas.
E o bom e velho gosto de romance antigo é sempre bom de recordar.

Flores que você traz pra me dar...
Eu não preciso disso pra lembrar.

Lembro cada beijo que eu te dei!
Eu lembro cada beijo que eu te dei!
Só pra lembrar, só pra lembrar, só pra lembrar - mais um!

Eu nunca esperei me encontrar, com você nesse lugar
O que você tem feito? Como vão seus pais? Vamos sair para jantar.
O quê que eu tô dizendo? Eu não acredito! Olha o microondas!
Desse jeito, requentando, eu sei que não existe nada pra descongelar.

Flores que você traz pra me dar...
Eu não preciso disso pra lembrar.

Lembro cada beijo que eu te dei!
Eu lembro cada beijo que eu te dei!
Só pra lembrar, só pra lembrar, só pra lembrar - mais um!

Parabéns a você nesta data, querida/ Sinto muito estou de partida.
Me disseram que é bom mudar/ mas eu não sei por onde começar
Por uma noite apenas serei seu, é foda!/ Guaraná é bem melhor que soda!
Não ligue pra o que vão dizer./ O Jet Set que vá se fuder!
Nas festas da playboy não têm só mulher gostosa,/ tem champanhe também.
E o que você está fazendo em casa
Ponha uma roupa e o amor pra fora
Todo mundo sempre está/ Onde todo mundo vai
Todo mundo dá palpite/ Todo mundo quer convite

Ainda É Cedo - Legião Urbana (((d-_-b)))

Uma menina me ensinou
Quase tudo que eu sei
Era quase escravidão
Mas ela me tratava como um rei
Ela fazia muitos planos
Eu só queria estar ali
Sempre ao lado dela
Eu não tinha aonde ir
Mas, egoísta que eu sou,
Me esqueci de ajudar
A ela como ela me ajudou
E não quis me separar
Ela também estava perdida
E por isso se agarrava a mim também
E eu me agarrava a ela
Porque eu não tinha mais ninguém
E eu dizia: - Ainda é cedo
cedo, cedo, cedo, cedo.

Sei que ela terminou
O que eu não comecei
E o que ela descobriu
Eu aprendi também, eu sei
Ela falou: - Você tem medo.
Aí eu disse: - Quem tem medo é você.
Falamos o que não devia
Nunca ser dito por ninguém
Ela me disse: - Eu não sei mais o que eu
sinto por você.
Vamos dar um tempo, um dia a gente se vê.

E eu dizia: - Ainda é cedo
cedo, cedo, cedo, cedo.

Já Falava Djavan (((d-_-b)))

" Teus sinais me confundem da cabeça aos pés
E eu quero mesmo é viver para esperar devorar você "

Não Vou Ser Má ( "Seará") rs (((d-_-b)))

C'mon, C'mon baby, vem comigo ficar
Eu não pude deixar de notar
Jeito largado e bom coração
Um romance nunca é em vão.

Não precisa, baby, saber dançar
É só desculpa pra bem perto chegar
Minha mão na sua escorregar
Apostei, você não vai escapar.

Vem comigo, no caminho eu explico
Não há razão pra tanto nervosismo
Tô sentindo que você tá perdido.

Se você, baby, quiser fugir
Pura tensão é melhor assumir
Relaxar e ver no que vai dar
Eu prometo, juro não vou ser má.

Vem comigo, no caminho eu explico
Não há razão pra tanto nervosismo
Tô sentindo que você tá perdido

Veja, baby, mil suspiros no ar
Quem se importa se quebrar o sofá
Tudo combinado, dedos cruzados
Pra esta noite só uma noite durar.

Baby... "Esta é uma prova de fogo,
Você tem que dizer agora se gosta
Ou se não gosta de mim,
Não sei se você notou mas..
O seu reinado há uma pá de tempo
Que já chegou ao fim,
Fale agora ou... deixe-me ir".

Oh Yeah

-1 (((d-_-b)))

Deixe estar
Não vá querer entender
O que há por trás
Pode deixar
A porta fechada
Não se sinta mal

Posso fingir
Que você não está aqui
Ou não me importar
Os olhos que zelam, julgam e desconcentram
É melhor você não entrar

E quando por esta porta eu entrar
Vou escolher no que pensar
E quando por esta porta eu passar

É tão meu e próprio o que está aqui
Não dá pra dividir
E se depois houver algo pra contar
Só eu posso falar de mim

(((d-_-b)))


conhecer o que será conhecer
machucar o que será nos machucar
realmente a dor que sentimos é algo tão particular
tão nosso que é difícil exprimir
assim como o amor que um dia agente sentiu ou achou sentir

É dose ser transparente para alguém,
realmente conhecer o outro é droga(kkk)
sabe-se reações, gestos, até pensamentos
vou instalar outra versão no meu sistema
queria eu ser um outro eu
que não fosse tanto você
até hoje, e como diziam
"porra é foda, " e completam a frase

Gigante (((d-_-b)))

Gigante em seu castelo lunar
Deitado em sua cama, ouvindo a sua harpa
Com todo o ouro que a riqueza pode oferecer
Leo em sua pobreza sem par
De feijões encantados semeados de primeira
Com o amor da moça que ele pode escolher
Gigante vive na solidão
Olhando cá pra baixo tanta gente entrelaçada
Afinal, de quê tanta grana pode lhe valer?
“Oh! Fee-Fi-Fo quero um amor”
Oh! Cantava assim pensando resolver
“Oh! Fee-Fi-Fo mas que solidão”
Tão miserável como um homem rico
Que não se espalha em filhos
Leo quer uma grana pra casar
A sua doce amada já lhe deu um ultimato
“Ah! João acho bom você pensar em se mexer”
Pé de feijão começa a brotar
Subindo pelas nuvens grande oportunidade
“Vai Leo!” “Vou não se não eu posso me perder...Oh! Por quê não vivemos só de amor? Oh! mulher tu quer dinheiro pra quê? Oh! A mim bastava o teu calor, só isso eu seria um homem rico mesmo sem grana”
Não se pode ter tudo que se quer,
Grana fácil e o amor de uma mulher
Leo enfim decide escalar
Soube que lá no alto os ovos são de ouro
E o gigante, é burro demais para lhe deter
Gigante vê João se chegar
Levar o seu tesouro sem sequer pedir licença
“Ah! Leo, acho que vou ter que esmagar você, Oh! Fee-Fi-Fo eu vou descer, Oh! Quem sabe alguém pode me querer”
“Oh venha não gigante irmão, nós somos demais, o pé não agüenta e a queda é longa”
Não se pode ter tudo que se quer,
Grana fácil e o amor de uma mulher

... (((d-_-b)))

Remexendo nas caixas das memórias de outrora
Encontrou o que o fez chorar
O retrato amarelado de um agora passado
E que partiu sem se entregar

Decidiu recomeçar tudo de novo, agora
Tornar a se encantar
Pode haver alguém que o espera paciente, lá fora
Em quem possa confiar

Pegou as cartas de um falso amor,
Os livros, discos, flor por flor
Guardou num cesto de solidão
E se livrou do que o fez sofrer

Contraluz (((d-_-b)))

Os dois sentados não se falam na mesa
Os dois sós
O mundo parece mudado
Onde o desencontro é tudo o que se tem

Sem novidades
As novidades na mesma
Tão sós
O Amor parece haver virado um jogo de contraluz
Onde ninguém se vê

Um cansado e o outro comovido, sem lhe dar ouvidos
O sensato seria sair e dizer que tá tudo bem!

Um cansado e o outro comovido, sem lhe dar ouvidos
Nesse instante exato
O Amor parece haver virado um jogo de contraluz onde ninguém se vê.

quinta-feira, 4 de março de 2010

Cuida de Mim - O Teatro Mágico (((d-_-b)))



Pra falar verdade, às vezes minto
Tentando ser metade do inteiro que eu sinto
Pra dizer as vezes que às vezes não digo
Sou capaz de fazer da minha briga meu abrigo
Tanto faz não satisfaz o que preciso
Além do mais, quem busca nunca é indeciso
Eu busquei quem sou;
Você, pra mim, mostrou
Que eu não sou sozinho nesse mundo.

Cuida de mim enquanto não esqueço de você
Cuida de mim enquanto finjo que sou quem eu queria ser.
Cuida de mim enquanto não me esqueço de você
Cuida de mim enquanto finjo, enquanto finjo, enquanto fujo.

Basta as penas que eu mesmo sinto de mim
Junto todas, crio asas, viro querubim
Sou da cor, do tom, sabor e som que quiser ouvir
Sou calor, clarão e escuridão que te faz dormir
Quero mais, quero a paz que me prometeu
Volto atrás, se voltar atrás assim como eu.

Busquei quem sou
Você, pra mim, mostrou
Que eu não sou sozinho nesse mundo.

Cuida de mim enquanto não me esqueço de você
Cuida de mim enquanto finjo que sou quem eu queria ser.
Cuida de mim enquanto não me esqueço de você
Cuida de mim enquanto finjo, enquanto fujo, enquanto finjo.

CPM 22 - O Mundo Dá Voltas (((d-_-b)))

Quando eu mais precisei
Nunca mais eu vi você
Foi difícil esquecer
Tanto faz, nem já chorei
Quando eu estava ali
Sem saber pra onde ir
É melhor nem lembrar

O mundo dá voltas
Não posso mais parar
E nem voltar atrás
Tudo mudou
Não quero mais pensar
No que ficou pra trás
E nada vai me fazer voltar

quarta-feira, 3 de março de 2010

Now (((d-_-b)))

I've really had it with the rain of the tears
The predictable storm that has come every year
And it sneaks in from shore with a bat in its hand
I'm trying, I'm trying I can't
You're a thief and a witch but I love you to death
You steal my heart and curse under your breath
But the one thing that I can most willingly prove
That when you are gone I'll be fine without you

And I don't know
And I can't guess
If it's gonna be OK
But now my last wish
Is that you do this with me
Kiss me here and hold my hand
Let me feel like I'm the only one
I know you can

Now just hold on, hold on to me

I’ll be, I’ll be yours (((d-_-b)))

Would you ever have known?
Those words were for you

I find a better part of me (((d-_-b)))

Eu queria encontrar algum lugar para me esconder
E eu me abri e deixei aqueles medos dentro
E eu queria estar perto disso
Somente para descobrir que não havia ninguém lá além de mim

Eu deixei os dias difíceis me derrubarem
E todas as coisas que eu odeio ficaram no meu caminho
Eu poderia gritar sem um som
Eu fiquei mudo por causa daquelas coisas que eles dizem

Está lá fora em algum lugar
E não pode estar assim tão longe
É lá que eu vou me encontrar
E eu descobrirei minha saída
É lá que eu descobrirei

Mas eu acordei para a vida real
E eu percebi que não vale mais a pena fugir
Quando não havia nenhum lugar para esconder,
Eu descobri que nada é real aqui
Mas eu não pararei agora
Até eu encontrar uma parte melhor de mim

GF-TAG (((d-_-b)))

Eu acordei em Salvador
Enquanto o avião estava pousando
E tudo que eu podia pensar era que é Segunda-Feira
Talvez eu voltaria de onde partir
Se isso me manter longe por mais tempo
Eu não sei o que eu entraria naquele vôo de novo
Mas será que você realmente tem que entender
Que é uma vida dura a que eu estou levando

Enquanto isso a noite cai ao meu redor

São Paulo está ficando meio louca
E Tag está ficando um pouco mais fria
Eu evito que minha cabeça fique com travada nesses negativos pensamentos
Eu mal posso esperar para um dia você voltar pra casa

E todos esses dias que eu desperdicei
Eu vou te compensar por isso, eu juro
Eu preciso do seu amor pra me manter em pé
Quando há tanta coisa para suportar

E quando a noite cai ao meu redor
E eu não acho que conseguirei
Eu usarei sua luz pra iluminar o caminho
Pois a verdade é
Que eu só penso em você

terça-feira, 2 de março de 2010

... (((d-_-b))

Deixa o sol cobrir todo o seu olhar
E a luz dos teus olhos então me guiar
Eu não vou negar
não vou negar o meu amor

Meu Sonho (((d-_-b))

Eu quis o dito impossível, eu quis ter você
enquanto todos caiam a minha frente, eu paguei para ver
eu fui subindo o tortuoso caminho das pedras, para chegar ao teu coração
e quando subia era tentando a desistir mais dizia não, não
nada quebra nem abala o meu contrito coração

Os meses se passaram, e acabamos saindo
do que muitos diziam ser apenas mais uma ilusão
agora estamos juntos, formamos um só coração
os pensamentos estão firmes e certo de que não há mais medo e sim só amor
e hoje mais do nunca posso dizer ao mundo que você
é bem mais do que apenas sonho, meu sonho

Eu tornei o impossível possível, eu consegui conquistar você

Darlin (((d-_-b))

"Na batida do coração,
no embalar da razão,
no alto do ego,
na força da criação.

No encontro da alegria
o beijo, da sensação,
na presença que anuncia,
a chegada da nova estação.

Na beleza que evidencia
no encanto da canção,
no esplendor da poesia,
na certeza do amor
com o aroma da paixão."

V.M.J

segunda-feira, 1 de março de 2010

Sweet (((d-_-b)))

Existe algo em seus olhos
Fazendo-os transbordar
Roubando toda a harmonia que vive em mim
Suas mãos estão cobrindo minhas lágrimas

Existe um tipo de olhar e um sorriso
Tentando me seduzir
Sentindo esta anomalia que me domina
Seu toque, você está aqui, meu coração

Forget (((d-_-b)))

Answer me, it can't be so hard
Cry to relieve what's in your heart
Desolation, grief and agony
Trying to move down in this grave
Trying to believe in every faith
As another bridge to clarity

Want to stay another way

Take another chance to find a distant sanity
And turn your pain in truth
Take another chance to fight a different enemy
And try to free it

Greetings to all friends and readers from other countries, thanks for visiting Palavras

Saludos a todos los amigos y los lectores de otros países, gracias por visitar Palavras